Número total de visualizações de página

sábado, 7 de julho de 2012

Orações dos mandingueiros- M. Cobrinha Verde

"Valei-me meu São Silvestre e os anjos 27 pela
sua camisa que veste.
Assim como São Silvestre abrandou os corações
dos três leões, em cima do morro cravado de pé e
mão.Abrandai eles debaixo do meu pé esquecidos,
mais mansos do que a cera branca Se olhos
tragam, não me enxergarão Se boca tragam, não
me falarão Se pagam para mim, não me
alcançarão Se faca tragam para mim, é de se
enrolar como Nossa Senhora enrolou o Arco
Celeste.
Cacete para mim é de ser quebrado,
assim como Nossa Senhora quebrou os
gravetinhos para ferver o leite de seu Bendito
Filho. Arma de fogo para mim apontada é de
correr água pelo cano, sangue pelo gatilho, assim
como Nossa Senhora chorou lágrimas pelo seu
Bendito Filho. Amém."
(Mestre Cobrinha Verde
Apud Santos, M.)

Sem comentários:

Mensagens populares